NOTÍCIAS

Milagres na na revisão de contratos de financiamentos de veículos existem?


Milagres na na revisão de contratos de financiamentos de veículos existem?
De pronto, podemos assegurar que NÃO EXISTEM MILAGRES!!!
Ouvimos nas rádios e propagandas na internet que há inúmeras empresas propagando a milagrosa redução de até 70% do valor da parcela do financiamento de veículos.
Infelizmente temos que informá-los que da forma legal e correta, além de moral, essa redução de até 70% NÃO EXISTE!!!

As empresas tentam fazer seus clientes concorrerem ao erro quando oferecem essa oportunidade haja vista que o meio encontrado para a tentativa da redução é ilegal pois além de induzirem seus clientes para que não realizem o pagamento das parcelas de seu financiamento, ainda mandam o financiado "esconder" seu veículo quando ocorrer a busca judicial fazendo com que seu nome seja inscrito nos órgãos de proteção ao crédito e que tenha sempre um Oficial de Justiça à sua procura.

Sabemos dessa proposta realizada por essas empresas que prometem até 70% de redução no valor das parcelas porque temos inúmeros clientes que já visitaram essas empresas e nos repassaram as informações obtidas quando da consulta.

Interessante que esses escritórios que oferecem esse tipo de serviço, não realizam a revisão do valor das parcelas de financiamento de imóveis. É lógico, pois, seria difícil "esconder" sua casa ou apartamento para que seu bem não seja objeto de busca judicial.

Há previsão legal para o pedido de revisão de contratos sendo que a única maneira legal é a via judicial propondo uma ação especifica para esta finalidade.

A revisão do financiamento com o intuito de reduzir o valor das parcelas somente é possível em ação própria sendo que a redução pode varias de 10% a 30% dependendo das taxas cobradas indevidamente e dos juros embutidos.

A remuneração das instituições financeiras se dá pelos juros aplicados nas operações financeiras portanto, pensemos juntos:

Se hipotéticamente um veículo no valor de R$ 63.000,00 financiado em 48 parcelas de R$ 2025,00 sendo que o total do financiamento resultará em um valor de R$ 97.200,00.

A remuneração do banco será de R$ 34.200,00 ao final.

Se tivermos uma redução de 70% no valor da parcela de seu veículo, o valor da parcela seria de R$ 607,50, ou seja, R$ 2025,00 menos 70% igual a R$ 607,50.

Portanto, a instituição financeira que lhe emprestou R$ 63.000,00 para a compra do seu veículo receberá apenas R$ 29.160,00.

Assim, não há como legalmente haver uma redução de até 70% no valor das parcelas de seu veículo mas HÁ A POSSIBILIDADE DE REVISÃO DO FINANCIAMENTO PARA REDUZIR AS PARCELAS DO SEU EMPRÉSTIMO ENTRE 10% A 30%.

Ademais, cumpre informar que não há a aplicação da lei de usura às instituições financeiras, ou seja, as instituições financeiras podem aplicar o percentual de juros que quiserem respeitando somente a tabela média de juros informada pelo Banco Central, portanto, caso alguém venha a lhe informar que os juros legais são de 1% ao mês, é melhor ficar atento.

A redução das parcelas se dá pela simples aplicação de fatores aritiméticos, ou seja, as instituições financeiras aplicam os juros compostos e para a redução das parcelas pleiteamos a aplicação dos juros simples.

Portanto, para buscar a revisão do valor das parcelas de seu financiamento, busque a assessoria de um bom escritório de advocacia e não aceite que outros façam você ser taxado como inadimplente ou mal pagador pelos bancos.

Marcel Almeida
Postado em 04/09/2015
CRIMINAL 24H