NOTÍCIAS

Devolução de comissão de corretagem paga indevidamente


Devolução de comissão de corretagem paga indevidamente
Em recente decisão da Justiça Cível da cidade de Sorocaba-SP, o Escritório Almeida e Ignatz conseguiu obter decisão favorável a um de seus clientes para reaver o pagamento cobrado indevidamente de taxas de assessoria e de comissão de corretagem devido ao fato da compra do imóvel ter sido realizada em plantões de venda e não no interior da imobiliária.

O Juiz de primeira instância ainda ressaltou sobre a abusividade da cobrança da taxa de assessoria, da abusividade dos contratos de adesão e da hipossuficiência do consumidor.

Nosso Escritório possui vasta experiência em análises de contratos imobiliários e realiza o acompanhamento da negociação contratual atuando judicialmente em ações pretendendo a restituição de valores pagos indevidamente a titulo de comissão de corretagem, taxas SATI - Serviço de Assessoria Técnica e Imobiliária, entrega de chaves fora do prazo previsto e demais taxas cobradas abusivamente por Imobiliárias e Construtoras.

Decisão em 1ª Instância que pode ser consultada no site www.tjsp.jus.br, processo nº 4002899-86.2013.8.26.06022

Marcel Almeida
Postado em 04/09/2015
CRIMINAL 24H